"10" Post(s) encontrado(s) na categoria: Poesia

24 de março de 2021

0 Comentários

Ontem

Por Eriane Dantas

Ontemela era medoobjeto de penaquietudealvo da zombaria Ontemela era meninaencolhidano canto da salaescutando uma vozquase nunca a sua

Continue lendo
15 de dezembro de 2020

2 Comentários

Depois de nove meses

Por Eriane Dantas

Presa em casanão aguento mais um dia,nem tanto por me isolar,às vezes não faz malnão ter que ver o mundo. Prefiro esse mundo que vejoda varanda:o céu azul,as nuvens quebrando o monocromático,os passarinhos no altobrincando de voar. Não aguento mesmoé o mundo lá fora.Enquanto uns fecham as portasde casa,outros se juntam para ir à praia,à festa,a monumentosque jamais se interessaram em visitar.

Continue lendo
20 de outubro de 2020

0 Comentários

Não sinta

Por Eriane Dantas

Um pontoé qualquer dor minhadiante dos males do mundo,queixas não cabem nesta vida.Então àquela no espelho eu ordeno:não sinta!Ainda assim eu sinto,sinto,sinto,sinto. Coisa doida é repararno que se sente.Aquela marca encolhida lá dentroacha uma brecha,se exibe, parece se colar à pele,de onde a vista não se desvia.

Continue lendo
22 de setembro de 2020

0 Comentários

Sem eco

Por Eriane Dantas

As palavras saíram,desengasgaram a indignaçãoque me pesava o peito. E o eco não veio,aquele barulho alto ou mesmo um sussurroque meus ouvidos ansiaram escutar.Minha voz bateu num obstáculo qualquere voltou a gritar dentro de mim.

Continue lendo
28 de julho de 2020

2 Comentários

Outra versão da vida

Por Eriane Dantas

Um café,dois,três.Novo ofício,e-mail,telefonema,despacho para não sei onde,reunião com não sei quem. Espero as 17 horas,espero o fim de semana,espero as férias,espero o Natal,espero outro ano começar.

Continue lendo
01 de julho de 2020

4 Comentários

Versos de amor

Por Eriane Dantas

De quantos versospreciso para formarum poema?Se eu disserte amoposso espalhar por aíque me fizpoeta? Sabe o meu desejo?Falar de amorsem parecerpatética,uma menina que escreverimasnum papel de carta.

Continue lendo
17 de junho de 2020

6 Comentários

Fiz as malas

Por Eriane Dantas

Faz um tempodescobri:há que se cuspirmais que digerir. Foi no diaque fiz as malas delae disse: adeus,por favor, me deixeseguir sozinha deste pontoem diante.

Continue lendo
26 de maio de 2020

4 Comentários

Ser triste

Por Eriane Dantas

Longe de mim exaltar a tristeza,mas quem disseque não se tira alguma valiade um dia triste? Diz a canção:é preciso um bocado de tristeza.Ela fala de samba;eu falo da vida.

Continue lendo
13 de abril de 2020

6 Comentários

Cicatriz

Por Eriane Dantas

Esta cicatriz em meu ventreé a lembrançade um dia incomumque começou às trêse eu não queria ver terminar.

Continue lendo
11 de janeiro de 2020

0 Comentários

Parceria

Por Eriane Dantas

Sonhei com príncipe encantado,daqueles que salvam de torres altas,de bruxas más,de dragões bravos,de sono profundo. Nosso encontro me mostrou que de nada vale só encanto. O que conta é ser humano, ser presente,ter olhar atentoe estender a mão.

Continue lendo

1 2
© 2021 Histórias em MimDesenvolvido com por