"4" Post(s) arquivados na Tag: histórias do mundo

29 de outubro de 2019

2 Comentários

[Resenha] Carta a minha filha

Por Maya Angelou

  • Título Original: Letter to My Daughter
  • Gênero do Livro: Memórias
  • Editora: Agir
  • Ano de Publicação: 2019
  • Número de Páginas: 143
Sinopse: Carta a minha filha revela o caminho de Maya Angelou em busca da melhor maneira possível de viver e se tornar a personagem principal da própria história. Com seu estilo único, mesclando relato confessional e poesia, ela concebe uma espécie de manual, contando sua trajetória fascinante e também seus anseios para um futuro que está nas mãos das herdeiras de seu legado. Conhecida por estar no front do movimento pelos direitos civis, a autora e ativista não apenas nos dá seu testemunho de luta, mas nos presenteia com um tocante relato de exaltação à vida. Esta edição conta com prefácio inédito da escritora Conceição Evaristo.
Comprar na Amazon

Carta a minha filha é um livro que Maya Angelou dedicou a todas as mulheres do mundo, as quais adotou como filhas e herdeiras de sua luta.

Você não pode controlar todos os fatos que acontecem em sua vida, mas pode decidir não ser diminuída por eles. Tente ser um arco-íris na nuvem de alguém. Não se queixe. Faça todo o esforço possível para modificar aquilo de que não gosta. Se não puder mudar algo, mude a maneira como pensa. Talvez você encontre uma nova solução (p. 16).

Continue lendo
19 de outubro de 2019

0 Comentários

[Resenha] O peso do pássaro morto

Por Aline Bei

  • Título Original: O peso do pássaro morto
  • Gênero do Livro: Romance
  • Editora: Nós
  • Ano de Publicação: 2017
  • Número de Páginas: 168
Sinopse: A vida de uma mulher, dos 8 aos 52, desde as singelezas cotidianas até as tragédias que persistem, uma geração após a outra. Um livro denso e leve, violento e poético. É assim O peso do pássaro morto, romance de estreia de Aline Bei, onde acompanhamos uma mulher que, com todas as forças, tenta não coincidir apenas com a dor de que é feita.
Comprar na Amazon

O peso do pássaro morto, primeiro romance de Aline Bei, é um livro tocante. É mais uma estreia impressionante a ser acrescentada a outras de que já falei aqui.

[…] no tempo da minha/ memória/ somos pra sempre. não existe morrer dentro, é como uma canção./ as canções não morrem nunca porque elas moram dentro das pessoas que/ gostam delas. […]

Continue lendo
12 de outubro de 2019

0 Comentários

Dia das crianças: quatro livros infantis para ler com elas

Capas de quatro livros para ler com as crianças

No dia das crianças, apresento quatro livros infantis para presenteá-las e ler com elas, especialmente as pequenas.

Muita gente acha que bebês e crianças muito pequenas não se interessam por leitura nem entendem o que lemos para elas. Mas aqui em casa tenho percebido que não é bem assim.

Continue lendo
01 de outubro de 2019

2 Comentários

[Resenha] Uma noite, Markovitch

Por Ayelet Gundar-Goshen

  • Título Original: Layla Echad, Markovitch
  • Gênero do Livro: Romance
  • Editora: Todavia
  • Ano de Publicação: 2018
  • Número de Páginas: 400
Sinopse: Às vésperas da Segunda Guerra, um grupo de jovens parte da Palestina para a Europa. Do outro lado do mar, um grupo de jovens judias que nunca conheceram os esperam. O objetivo: casamentos fictícios com os quais as meninas poderão escapar da Europa sob Hitler e alcançar a futura pátria judaica, então sob o domínio britânico. Dois dos jovens são amigos íntimos, mas muito diferentes um do outro. Zeev Feinberg, um sujeito ousado, alto e musculoso, tem um belo bigode e está acostumado a ter mulheres caídas a seus pés. O outro, Iaakov Markovitch, é um cara indescritível e monótono sem qualquer tipo de carisma: nenhuma mulher já olhou para ele. No entanto, é Markovitch quem fica com a mulher mais bonita, a deslumbrante Bella Zeigerman. Contra o pano de fundo da guerra na Europa e a Guerra de Independência de Israel, com o enredo indo e vindo entre os pequenos indivíduos e os grandes eventos que os rodeiam, tudo isso num andamento ágil e mítico, o colorido romance de estreia de Gundar-Goshen reconta eventos do século XX de forma divertida e ilustrada.
Comprar na Amazon

Iaakov Markovitch não era feio. Que não se conclua disso que era bonito. Garotinhas não desatavam a chorar por causa de seu aspecto, tampouco sorriam ao ver seu rosto. Ele era, seria possível dizer, um glorioso meio-termo (p. 11).

Esse é o romance de estreia de Ayelet Gundar-Goshen, escritora israelense que também é psicóloga e roteirista.

Que forma de começar! O livro lhe rendeu um prêmio literário em Israel, o Prêmio Sapir, pelo melhor romance de estreia de 2012, e foi traduzido para catorze idiomas.

Continue lendo

1 2 3 4 8
© 2019 Histórias em MimDesenvolvido com por