29 de junho de 2018

2 Comentários

Para começar

Em uma das minhas histórias (não publicada e conhecida apenas por minha mãe e minha amiga Sâmella), a personagem principal cria um blog sobre relações amorosas destinado a meninas de sua idade. E fica tão absorvida pela atividade que o blog se torna uma compulsão, sendo necessários alguns empurrões para devolvê-la à vida real.

Quando a criação do blog por essa protagonista me veio à mente, não me imaginava criando uma página também. Mas cá estou eu escrevendo minha primeira postagem em um blog todo meu. Dizem alguns que a ficção é imitação, fingimento da realidade. No meu caso, a vida resolveu imitar a ficção.

A ideia do blog abrigou-se em mim meio de repente, como aconteceu com aquela personagem, embora não tenha nascido aqui. Uma pessoa muito querida a soprou para mim mais de uma vez. Na última, ainda resisti, mas, não demorou muito, agarrei a ideia e a amadureci e a transformei em um plano concreto. Em poucos dias, foi como se tal plano sempre tivesse feito parte de mim.

Pensei no que ela disse: na chance de não guardar tanto só para mim mesma, de ampliar meus círculos de trocas e de dividir com pessoas daqui, dali e de acolá as histórias que me inspiram e aquelas em que ponho minha inspiração. E então me lembrei do quanto havia me sentido à vontade em um encontro com pessoas que, como eu, se sentem emocionadas ao falar de livros.

Por isso, espero contar aqui com a companhia de todas aquelas e todos aqueles que estejam por aí ansiosos por compartilhar a paixão pela leitura e pela escrita.

confira esses posts relacionados

Deixe seu comentário

2 Comentários

  • Sâmella
    29 junho, 2018

    Eu sou a Sâmella! \o/

    • Eriane Dantas
      Eriane Dantas
      01 julho, 2018

      kkk.
      Saudade de você, Sâmella!

  • © 2019 Histórias em MimDesenvolvido com por